sexta-feira, 18 de abril de 2014

Sexta-feira santa










Era desprezado como o último dos mortais, homem coberto de dores, cheio de sofrimentos; passando por ele, tapávamos o rosto; tão desprezível era, não fazíamos caso dele.

A verdade é que ele tomava sobre si nossas enfermidades e sofria, ele mesmo, nossas dores; e nós pensávamos fosse um chagado, golpeado por Deus e humilhado!

Mas ele foi ferido por causa de nossos pecados, esmagado por causa de nossos crimes; a punição a ele imposta era o preço da nossa paz, e suas feridas, o preço da nossa cura.

Todos nós vagávamos como ovelhas desgarradas, cada qual seguindo seu caminho; e o Senhor fez recair sobre ele o pecado de todos nós.  (Is 53, 4-6)

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Quinta- feira santa na catedral de Sorocaba


















O Tríduo Pascal,  teve inicio  nesta quinta-feira, 17/04/2014, na Catedral de Nossa Senhora da Ponte com  a missa que recorda a ultima ceia de Jesus com  seus Apóstolos.  A liturgia, que  marca a instituição da Eucaristia, recorda, também, o gesto de Jesus, que  fez questão de lavar os pés de cada um deles, para demonstrar a necessidade da humildade e do espírito de serviço entre os fazem parte do reino de Deus.

Dom Eduardo Benes Rodrigues, nosso arcebispo realizou o mesmo ato simbólico de Jesus, lavando os pés de 12 cidadãos, membros da Igreja.

Participaram também da cerimônia, o pároco, Padre Tadeu Rocha Morais e o vigário, Padre André Luiz Sueiro, que fez a homilia enfatizando  a atenção que devemos dar ao exemplo dado por Jesus quanto ao espírito de serviço,  e imitá-lo em todas as atividades da vida.

Giselle Neves Moreira de Aguiar

terça-feira, 15 de abril de 2014

A arte de distorcer



A manchete do jornal “O Estado de São Paulo” de 15/04/2014 diz: “Dilma acusa oposição de  ‘campanha política’ contra Petrobrás”. Tal manchete traz exposta, para quem quiser observar, um grande exemplo da arte de distorcer os fatos, pelo uso insidioso das palavras.

  A fala da presidente traz, nas entrelinhas, o desejo dos especialistas em comunicação que estão a serviço do partido governante: que o povo (visto apenas como um conjunto de eleitores)  sinta e pense que os opositores do seu governo são pessoas maldosas, que desejam destruir a imagem da Petrobrás, com acusações indevida,  para  denegrir a imagem da governante, com vistas à eleição próxima.

 Ela não considera que existe vida além da incessante luta pelo poder entre os membros da classe política;  que existem inúmeros  brasileiros que percebem o significado das notícias publicadas pela mídia. Principalmente entre os que trabalham honestamente, os que sustentam o governo e  suas instituições   à custa dos  altos impostos  que  lhes são cobrados.

Muitas pessoas conseguem discernir que tal administração dilapidou a Petrobrás,  patrimônio de  todos os brasileiros, devido à  "má gestão", para usar da generosidade  que o ‘politicamente correto’ tem para com os que cometem delitos; basta perceber os claríssimos dados  publicados  por todos os veículos de comunicação.

Os brasileiros comuns,  que amam e sustentam  este país,  são os  verdadeiros interessados em defender sua maior empresa estatal de administração tão danosa. Se os adversários políticos da presidente vão se beneficiar, ou não, dos lastimosos fatos, não é do interesse deles; amanhã, caso estiverem governando, serão alvo da mesma indignação se cometerem semelhantes atos.

Fica publicado então, mais uma ofensa da governante ao povo, por supor que seja idiota, e também, o posicionamento  tíbio do jornal pois,  apesar das aspas, a manchete ajuda muito a estabelecer dúvidas sobre  matérias  que ele mesmo publicou. Salve-se, quem puder.

Giselle Neves Moreira de Aguiar

domingo, 13 de abril de 2014

Domingo de Ramos na Igreja do Colégio Santa Escolástica


         






A cerimônia do domingo de Ramos na Igreja de Nossa Senhora do Rosário, anexa ao tradicional e querido Colégio Santa Escolástica,  em Sorocaba, aconteceu em clima de aconchego e recolhimento.

A bênção dos ramos, acontecida na portaria do colégio, precedeu uma  pequena procissão, até  a igreja. Os harmoniosos cantos das irmãs beneditinas contribuíram para  o recolhimento,  que preparou  os corações e as mentes para a profunda homilia proferida pelo capelão do colégio, o monge, também beneditino, Dom Lucas de Almeida Costa. 

Dom Lucas chamou a atenção para a necessidade  de nos sintonizarmos com a grande solidão e abandono de Jesus, evidenciadas na Semana Santa.  Nesse tempo, ele se sentiu abandonado pelo Pai, e profundamente rejeitado pelos seus irmãos humanos, pelos quais aceitou a encarnação e morte, antes da ressurreição.


Segundo o sacerdote, muitas  almas experimentam estes sentimentos que, segundo ele, é sinal de predileção. Ressaltou em Jesus as atitudes que devemos imitar: a paciência e a humildade. A paciência, que pressupões sofrimento, enquanto se luta para continuar praticando o bem,  e a humildade, termo que vem de húmus, terra, cuja consciência do significado  exclui todo tipo de agressividade.

 Para o seguimento  da Semana Santa, a Igreja do Rosário apresenta a programação:
Na Quinta-feira Santa, a cerimônia da instiuição da Eucarsitia serás as 17h.
Na Sexta-feira Santa a adoração da Santa Cruz  acontecerá às 15h, e no
Sábado, a celebração da Ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo terá início às 19:30h.

sexta-feira, 11 de abril de 2014

Visões diferentes da Páscoa ...


                          


Nunca esqueci um relato que ouvi, certa vez, em um programa de rádio. Disseram que o fato ocorrera em uma escola, numa turma de adolescentes.

No laboratório de química, o professor avisa que o experimento que faziam, não poderia ser concluído satisfatoriamente,  devido à interrupção do mesmo pelo próximo feriado da Páscoa,sessa baboseira, inventada pela religião, enfatizou.

Nesse momento, um aluno, se levanta e diz: - Professor, essas palavras ofendem a minha fé. Não se trata de uma baboseira inventada, mas da comemoração de um fato histórico, promovido por Deus,  acontecido com nossos antepassados na fé.

O professor era só escárnio. - Que Deus o quê! Deus é outra invenção! Eu só acredito na Ciência, nas leis da Física. E posso provar que estou certo. Eu o desafio agora. Aqui na minha mão, tenho um ovo, vou deixa-lo cair. Pelas leis da Física, ele vai  se quebrar. Agora, você faça uma oração ao seu deus, para que ele impeça esse ovo de se quebrar, veremos quem tem, realmente, poder.

O rapaz então, rezou confiante: - Senhor Deus, sei que não infringirás as leis da Física, das quais Vós sois o Autor, em atenção à insolência dessa pobre criatura, por isso sei que o ovo se quebrará. Mas senhor, eu vos peço, assim que  tal fato acontecer,  o professor  caia morto, fulminado.


Quem disse que o professor deixou o ovo cair? 
O ovo não se quebrou.

Como você pode, disse  o professor transtornado, fazer esse tipo de oração?  
-  Por que o espanto professor, de que tem medo? Responde o aluno, afinal, segundo o senhor, Deus não existe!

Giselle Neves Moreira de Aguiar

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Adestrando consciências...

 Cuidado internauta, vem aí... Lula e seus blogueiros amestrados. Resistir é inútil, você será assimilado













 Aos jornalistas

Destaque  na mídia: "Acho que o governo tem que ir para ofensiva e debater esse assunto  (Petrobras) com força. Não pode admitir que as mentiras continuem prevalecendo. Temos que defender com unhas e dentes os fatos que acreditamos ser verdadeiros". Com tais palavras, dirigidas a blogueiros militantes da causa petista, o nosso ex-presidente Lula faz uma dura ofensa aos jornalistas, e aos veículos de comunicação do país.

 Aplicando o raciocínio lógico à sua fala, ele está dizendo que  as matérias,  cheias de detalhes elucidativos, que têm sido publicados em todas as mídias a respeito dos desmandos  a que tem que sido submetida a nossa Petrobras, orgulho dos brasileiros, são mentirosas. Em outras palavras, os veículos que as divulgaram, e os jornalistas que as produziram são mentirosos.

“Temos que defender com unhas e dentes os fatos que acreditamos ser verdadeiros", diz o senhor Lula; aqui também aparece mais uma ofensa, desta vez à inteligência do cidadão e eleitor brasileiro. Tal afirmação dá a entender que pode-se fazê-lo acreditar no que o ex-presidente quiser. Basta colocar um batalhão de sofistas trabalhando na internet para desmentir as informações dadas pelos veículos de comunicação.

Acredita-se, por tal raciocínio, que basta afirmar o contrário que a verdade deixa de existir. Assim, depois da própria presidente Dilma ter publicado que assinara a aprovação do negócio da compra de uma refinaria nos Estados Unidos sem ter consciência de todo o teor do contrato, o que resultou num enorme prejuízo para a companhia, o ministro Mantega convoca a imprensa para afirmar que está tudo ótimo na Petrobras, e que foi um bom negócio a compra da Pasadena.

No tempo atual, tem-se grande necessidade de exercitar os neurônios  tanto ou mais,  que a musculatura, porque o esperado  é que a população caia no engodo de que a afirmação do momento, seja qual for, é a verdadeira. É esse o escopo dos que tratam o povo como se fosse idiota, um joguete nas mãos dos marqueteiros, dos que fazem uso das mesmas insidiosas técnicas de comunicação que  ajudaram Hitler, Stalin, Fidel Castro e outros, a obterem apoio popular, chegando até a ocupar o lugar de Deus no coração do povo.

Espera-se dos órgãos de imprensa e dos jornalista, o brio necessário para, seguindo o conselho de Lula, fazer prevalecer a verdade que publicam, uma vez que, vivem de vende-la a seu público; e precisam fazer jus à necessidade da própria existência.

             
Artigo publicado no Jornal Diário de Sorocaba de 10/04/2014                                                  

segunda-feira, 7 de abril de 2014

Oração pela beatificação da Lola







No próximo dia nove de abril,  e completa 15 anos do falecimento da Serva de Deus Floripes Dornelas de Jesus, mais conhecida como Lola. Aqui temos a oração pela sua beatificação. 




Oração pela Beatificação
Composta por Padre Paulo Dionê Quintão, seu diretor espiritual nos últimos anos, 
e aprovada por D. Luciano Mendes de Almeida, quando 
Arcebispo de Mariana (MG).

Deus Pai, que revelastes as maravilhas 
do Reino aos pequeninos, nós vos 
agradecemos pelos tesouros de virtude 
e sabedoria que em vida concedestes a 
vossa filha Floripes Dornelas de Jesus, 
Lola.
Nós vos pedimos, pela força do vosso 
Espírito, exaltai sua humildade 
elevando vossa fiel serva à honra dos 
altares.
Concedei-nos a graça da oração e 
total confiança no Sagrado Coração de 
vosso Filho e na proteção materna de 
Maria, para que um maior número de 
pessoas possa tê-la como intercessora e 
modelo de vida cristã. Amém.
( Com aprovação eclesiástica)